quinta-feira, novembro 17, 2011

A receita para começar a cozinhar

Acredite que é facil. Não estou mentindo!



Essa receita vai levar menos de 30 minutos para preparar. Você vai fazer o molho praticamente junto com a massa. Do momento que você começar a separar os ingredientes até servir não levará nem 1 hora. Se você é um tanto inseguro na cozinha ou é a primeira vez que cozinha, não se preocupe com o tempo. Faça no seu ritmo que ficará bom do mesmo jeito. Tenho certeza disso.
Percebeu? "It`s that easy."
Siga os passos do jeitinho que ler aqui. O procedimento é perfeito para quem não tem muita experiência na cozinha e quer fazer algo incrível. A receita é para duas pessoas.
Se tiver QUALQUER dúvida me manda um email: comerbomdemais@gmail.com

*Você vai separar os seguintes utensílios: (se você não tem tudo que eu disser faça as substituições que julgar necessárias)
-2 panelas
-1 colher para mexer o molho
-1 faca
-1 escorredor de macarrão

*Separe também os ingredientes:
-2 filés de salmão sem pele (a partir de 100g cada)
-2 colheres de sopa de cream cheese
-2 colheres de sopa de creme de leite fresco
-4 colheres de sopa de alho-poró em fatias
-1/2 cebola ralada
-1 punhado de coentro bem picado (salsa, se preferir)
-2 xícaras de caldo de legumes
-Azeite
-Sal e pimenta a gosto
-1 e 1/2 xícara de penne

*Deixe todos os ingredientes em cima da bancada antes de começar.
*Agora siga os passos na ordem que eu explicar:
-Encha uma panela com água, tempere com sal e coloque no fogo.
-Na outra panela coloque o azeite e deixe esquentar um pouco. Coloque a cebola, alho-poró e uma pitada de sal. Misture e quando perceber que começaram a ficar transparentes coloque 1 xícara de caldo de legumes.
-Por cima acomode os filés de salmão e tempere-os com um pouco de sal e pimenta. Coloque o fogo no mínimo e tampe. Deixe por aproximandamente 8 minutos.


-Passado esse tempo verifique se seu salmão está cozido por dentro. Basta tentar "quebrar"com a colher. Misture tudo e coloque o cream cheese. Não se preocupe se o salmão começar a desmanchar, é isso que deve acontecer.




-Nesse momento sua água já deve estar fervendo. Coloque o penne (eu sempre uso massa integral) e mexa. Observe o tempo que a embalagem diz que leva para cozinhar. Você vai retirar sua massa 2 minutos antes desse tempo. Essa regra serve para qualquer tipo de massa.
-Seu molho deve estar fervendo também. Coloque o creme de leite fresco e o restante do caldo de legumes e aumente o fogo para o máximo até levantar fervura novamente.
-Verifique sua massa. Ela deve estar levemente dura ainda. Escorra da água e coloque diretamente no molho. Misture bem e deixe ferver mais um pouquinho.
-O molho irá engrossar. Experimente o ponto do macarrão e o tempero. Corrija sal e pimenta se achar necessário. Não tenha medo. É nessa hora que você vai dar o seu toque pessoal. Siga seu paladar.
-Desligue o fogo e misture o verdinho de sua preferência.
-Sirva e delicie-se!

terça-feira, outubro 25, 2011

Salada e Filé com ervas


O fim do ano está batendo a porta e com ele vem o verão. Às vezes eu penso que o verão é como se fosse uma longa segunda-feira em que todo está de dieta sempre, porque convenhamos, todo mundo quer ser magro na praia...
Segue então uma dica simples e rápida e que mesmo salada não sendo sua primeira opção tenho certeza de que vai gostar. O segredo está no molho dela e no tempero do seu filé. E para completar, a batata campeã que garanto que 10 entre 10 pessoas amam.

Antes de mais nada:
* Quando for comprar filé mignon preste atenção ao peso. Qualquer coisa acima de 1,5Kg não é legal. Boi bombado não é legal.
* Quando for cortar pense no ponto que gosta da sua carne. Aqui em casa é sempre "ao ponto", rosada por dentro, o que pede um filé um pouco mais alto. Se você gosta de bem passado, corte seus filés com no máximo dois dedos de altura, senão vai passar a vida inteira na frigideira.
* As ervas que você vai usar podem ser todas que desejar e gostar. Só se certifique de que são frescas, porque o sabor e o aroma que elas proporcionam são importantes nesse caso.
* As marquinhas que você vê na foto são porque tenho uma frigideira que faz isso. É mais um charme e não vai mudar em nada o sabor da sua carne.
*Não se assuste quando ler aí embaixo que o molho é leve. Ele é mesmo.
* Se tiver alguma dúvida é só mandar email para comerbomdemais@gmail.com

Salada com molho leve de alho e queijo


Folhas de alface americana
Folhas de alface roxa
1 tomate bem maduro cortado em fatias
2 batatas médias com casca cortadas em palito
4 cortes de filé mignon
Ervas aromáticas variadas picadas (usei manjericão, alecrim, tomilho e orégano frescos)
Sal e pimenta a gosto
Azeite

Molho:
2 colheres de sopa de maionese
1 dente de alho amassado
Gotas de molho inglês (ao seu gosto)
Pimenta moída na hora
1 xícara de queijo parmesão ralado bem fino

Coloque as batatas em uma travessa que vá ao forno e tempere com, azeite, sal e pimenta. Leve ao forno pré-aquecido até que estejam completamente cozidas e douradas.
Lave as folhes de alface e deixe secar em cima de papel toalha.
Esquente a frigideira no fogo e coloque azeite. Em uma tábua grande ou qualquer superfície bem limpa espalhe sal, pimenta e as ervas picadas. Passe os cortes de carne por cima desse tempero e se precisar colocar mais, fique à vontade. Todos devem estar cobertos de tempero, mas sem exageros. Coloque-os na frigideira e doure os dois lados o tempo que desejar para que fiquem no ponto que escolher. Nesse momento você vai usar o seu melhor julgamento. Lembre-se que quanto mais tempo ficar no calor, mais ele vai entrar na sua carne e cozinhá-la mais.
Para o molho basta misturar todos os ingredientes e colocar nas folhas levemente rasgadas. Você pode colocar um pouco de queijo ralado por cima como fiz no meu.



quarta-feira, agosto 17, 2011

Frango assado delicioso

Vou pagar logo a real. Você vai ter dois trabalhos nessa receita: cortar o frango inteiro em pedaços e cortar as verduras. Coloca tudo na travessa e pronto. Vai ficar um bom tempo no forno, mas a espera vale a pena. Difícil mesmo é fazer um caldo com as sobras do frango. Recomendo que você faça, porque além de não desperdiçar comida, você vai usar pra fazer risotos maravilhosos.

*Você vai separar os seguintes pedaços: Coxas, sobrecoxas, asas e peito. Corte o peito em quatro pedaços e retire o osso e cartilagem central. Limpe bem e retire todo o excesso de gordura. Deixe a pele. O restante(carcaça) vai para o caldo.
*Com a carcaça você pode fazer um caldo de frango. Corte em pedaços grandes uma cebola, uma cenoura e dois talos de salsão. Em uma panela grande coloque azeite e doure as verduras com as sobras do frango(carcaça). Coloque uma taça de vinho branco, grãos de pimenta e as ervas que desejar amarradas com barbante. Cubra com água e deixe ferver até que os legumes estejam cozidos. Desligue o fogo, retire as ervas e deixe esfriar. Leve à geladeira coberto com plástico filme ou papel alumínio. No dia seguinte, a gordura estará separada. Retire esse excesso, as verduras e carcaças e descarte. O caldo você pode congelar em cubinhos e usar sempre que desejar.

Frango assado ao Limão


Pedaços de frango
suco de 1/2 limão
1 limão siciliano cortado em quatro(pode ser do comum também)
1 cebola roxa cortada em quatro
2 batatas grandes cortadas em quatro com casca
1 xícara de tomate cereja
1 cabeça de alho sem casca
Sal e pimenta a gosto
1 taça de vinho branco seco
Azeite


Tempere o frango com suco de limão, sal e pimenta. Em uma travessa que vá ao forno coloque azeite a gosto no fundo. Acomode os pedaços de frango, cebola e alho. Regue com o vinho branco e leve ao forno já aquecido coberto com papel alumínio por 30 minutos. 

Retire o papel e regue o frango com o caldo que se formou. Coloque as batatas por cima e coloque de volta no forno. Deixe por mais 30 minutos. 


Retire e coloque os tomates. Mais 15 minutos e pronto. Sirva com legumes e verduras de sua preferência. Na foto é repolho branco refogado com alho, pimenta e ervilhas frescas congeladas.
 

Fritura fácil

Tem coisa melhor que fritura? Gordinho e glutão chegou sua hora! (como se você nunca tivesse vez aqui...) Essa é super fácil e não tem como errar. Você pode fazer com qualquer tamanho de camarão. Pode fazer com anéis de lula, cubinhos de frango e até com queijo. É só temperar o escolhido, passar na massa e fritar. Moleza.

*A cerveja que vai na massa serve pra dar sabor (óbvio!) e pra dar ajudar na "crocância".
*Nunca fiz com nenhum outro tipo de bebida. Se testar, me avisa!
*Se escolher fazer com queijo escolha tipos que não derretem com tanta facilidade como queijo prato ou provolone. Aliás, com provolone deve ficar perfeito já que ele combina super bem com a cerveja.
*Não corte quadrados de queijo muito pequenos e para ficar fácil de fritar espete-os no palito antes de passar na massa e fritar.
*No caso do frango e dos anéis de lula você vai fazer o mesmo processo que vou ensinar com o camarão. Com limão e tudo.

Massa para fritar

1 lata de cerveja clara
1 ovo
1 xícara de farinha de trigo
1 pitada de sal
1 pitada de pimenta

Mistura tudo até ficar com consistência de massa de bolo. Espero que na foto dê pra ter uma idéia. Nesse momento vc coloca na geladeira pra descansar e engrossar um pouquinho. Enquanto isso, faça o camarão.(ou o ingrediente escolhido, lembrando que se for lula ou frango você segue o mesmo processo do camarão)

Camarão

10 camarões de qualquer tamanho descascados(Se for médio a grande deixe o rabinho. Se for menor retire totalmente a casca e espete no palito antes de passar na massa e fritar.)
1 colher de chá de sal
2 xícaras de água
1/2 xícara de vinho branco
3 rodelas de limão
grãos de pimenta

Coloque tudo em uma panela e leve ao fogo alto. Quando a água começar a ferver ou os camarões mudarem de cor retire e reserve em um papel toalha para secar. Uma vez secos, tempere com um pouco mais de sal e pimenta moída.


Coloque o óleo para esquentar. Retire a mistura da geladeira e mergulhe os camarões um a um e imediatamente coloque no óleo quente para fritar. Cuidado na hora de colocar no óleo. A massa respingou e eu - só pra variar - queimei meu dedo. 
Sirva ainda quente com limão e molho de pimenta.



segunda-feira, maio 23, 2011

Que delícia de bolo

O frio está começando a chegar e nessa época, a dieta não é o foco. Por isso, um bolinho de chocolate, simples e gostoso não é uma má idéia. 


Eu costumo ler muito blogs que falam sobre várias coisas e um dos que mais gosto é o Pioneer Woman. Na verdade, ele está mais para um site com vários temas, mas pelo que vejo me parece que começou como um blog. Nele, a Ree Drumond (a criadora) fala sobre sua vida no campo e como tenta se ajustar a ela sendo um pessoa que morou em cidade grande e vivia uma vida bem urbana. Em um de se seus livros - o da foto aí em cima - ela ensina várias de suas receitas que são todas muito bem explicadinhas no site. Logo que recebi ele em casa e folheei pela primeira vez já fiquei com vontade de fazer essa receita. É um bolo super simples e que com essa cobertura fica muito bom.

Em todas as receitas que faço de livros eu sempre coloco um post it com observações de resultado e se fiz alguma alteração.
Na receita original, ela usou algumas coisas que ou eu não acho aqui ou eu simplesmente não quis sair pra procurar, portanto mudei um pouco. O resultado final foi super parecido (não digo que ficou igual porque não sei como seria o igual...) e delicioso!


* Ela usa buttermilk, que podemos chamar de 'leitelho'. Pesquisei um pouco e cheguei no blog Cinara's Place que explica direitinho o que é e como fazer o seu em casa. Eu fiz o meu assim: na proporção de 1 xícara de leite para duas espremidas de meio limão. Quando digo isso é exatamente o que vai fazer: pegar uma xícara e encher de leite e apertar sobre ele 2 vezes a metade de um limão. Mexi um pouquinho e deixei descansar por 15 minutos. Vai ficar algo parecido com uma coalhada bem diluída.
* Usei o chocolate meio amargo novo que tem da Garoto com 55% cacau, porque quanto mais cacau no chocolate melhor. Esse é legal porque o precinho é amigo. 


* Se você está de dieta escolha esse bolo como aquele da fugida. Não coloque ingredientes mais lights porque não vai ficar muito legal. Eu até tentei, mas o resultado não é o mesmo. Faça tudo com aquela caloria a mais que é muito melhor. Coma menos que você vai sair ganhando.
* As castanhas e nozes que você vai colocar no seu bolo vai do seu gosto. Só não pique demais porque o legal são os pedações crocantes por cima envolvidas em um creme delicioso de chocolate.


* Todos os ingredientes secos peneirados, por favor. Você quer que seu bolo seja lindo, certo?
* Na receita abaixo você vai ver 'cacau em pó', mas eu usei chocolate. Só não use achocolatado, pois tem muito açucar.

Bolo de Chocolate com cobertura de Castanhas variadas

2 xicaras de farinha de trigo
2 xícaras de açúcar
1/4 colher de chá de sal
1/2 xícara de "buttermilk" (explicação acima)
2 ovos
1 colher de chá de extrato de baunilha
1 colher de chá de fermento
200g de manteiga sem sal
4 colheres de sopa cheias de cacau em pó

É tudo muito fácil. Primeiro ligue seu forno a 200ºC e deixe ele esquentando enquanto você prepara a massa do bolo.Você pode usar a batedeira se quiser, mas não há necessidade. Eu não usei.


Derreta a manteiga e misture a baunilha e os ovos. Quando estiver bem homogêneo misture vigorosamente o açúcar e o cacau em pó. Separadamente, misture a farinha com o fermento e o sal. Agora vá alternando buttermilk e a farinha e misturando bem até ficar uma mistura bem lisinha. Peque um tabuleiro e unte com manteiga e pouvilhe com farinha. Coloque essa mistura e leve ao forno até ficar sequinho por dentro. Verifique com um palito depois de 20 minutos.


Cobertura de chocolate com castanhas

10 castanhas-do-pará picadas
1/2 xícara de castanhas de caju picadas
1 e 1/2 tabletes de chocolate meio amargo ralado
1/2 tablete de chocolate meio amargo 55% cacau ralado
1/4 de pote de creme de leite fresco


Esquente o creme de leite em uma panela. Retire do  fogo e coloque os chocolates. Misture bem até que esteja completamente derretido. Coloque as castanhas e misture. Coloque por cima do bolo e sirva.
Essa cobertura também é ótima com sorvete!

quarta-feira, maio 18, 2011

Eu fui: La Cabrera em Buenos Aires


Ano passado fui pela primeira vez em Buenos Aires. Aliás, conhecer essa cidade foi muito interessante e devo confessar que perdi muitos preconceitos que tinha sobre a Argentina e seus habitantes.
Sempre achei que a Argentina era um país frio com seus visitantes e que por ser brasileira seria mal tratada.Tudo coisa da minha cabeça. Fomos super bem atendidos em todos os lugares que fomos. Fomos em muitos restaurantes e é claro, como não podia deixar de ser comi muita carne. Os cortes são parecidos com os nossos e o melhor pra mim foi o famoso bife de Chorizo. E no La Cabrera foi onde me serviram o melhor. 




Esse restaurante é super charmoso e é frequentado mais por turistas. Você que acha que lugar de turista é caro e ruim vai mudar de idéia quando for lá. Digo isso porque acho que qualquer pessoa que visite Buenos Aires tem obrigação de comer lá. Tanto quanto a ir em um show de tango - que eu não fui porque preferi trocar por outro restaurante, mas isso é papo pra depois.


Minha primeira recomendação é a de que você vá almoçar. Carne é pesado e demora pra ser digerido e lá você vai comer muita carne. Fomos duas vezes nesse restaurante e as fotos que vc vai ver aqui nesse post são do segundo dia.

Na primeira vez que fomos chegamos lá eu não fiz reserva. Ficamos esperando um tempinho e sinceramente não foi tão ruim. Nos serviram espumante geladíssimo e aperitivos de linguiça defumada com tomates. Perfeito! O prato que pedimos foi "800g de bife de chorizo".  O nome é esse mesmo e a quantidade é essa toda. Achamos que seria igual a maioria dos restaurantes argentinos onde a carne vem sem acompanhamentos e pedimos também batata frita. O garçom muito gentilmente, nos recomendou a não fazer isso porque suas carnes já viriam com alguns acompanhamentos. Fiquei feliz quando o pedido chegou em nossa mesa. Apesar de na foto não aparecerem todos os acompanhamentos percebemos que seria um desperdício de batatas. 




No segundo dia que fomos pedimos o Bife Borboleta que é um corte de contra-filé argentino que faz ele parecer uma borboleta gigante (é 0bvio...). O que mais me chamou a atenção foi a maciez da carne. Que ponto maravilhoso, que textura e que sabor. Muita gente não gosta muito das carnes argentinas porque ela vem com muito pouco sal ou nenhum. Mesmo assim, terei que insistir que você confie em mim quando digo que assim é melhor. A humidade da carne se mantém e junto com ela o seu verdadeiro sabor. Se você quiser colocar o seu sal e sua pimenta depois tudo bem, mas ela chega à sua mesa por uma razão e é sempre bom respeitá-la.
Depois de tanta comida, vinho e pão ainda nos ofereceram mais uma tacinha de espumante geladérrimo (cortesia da casa) e uma torre cheia de pirulitos pra gente escolher. Tudo ótimo como todo restaurante deveria ser.

terça-feira, maio 17, 2011

Presente fofo, tatoo e doce.

Às vezes eu ganho presentinhos fofos. Deve ser porque alimento as pessoas. Experimenta fazer uma comida deliciosa (modéstia passou looonge...) e ver o olhar nos rostos das pessoas. A cara delas é de gratidão, satisfação e admiração. Está se sentindo meio mal? Quer levantar o ego? Cozinha, mas cozinha bem e bastante. Sucesso garantido.

Tenho uma amiga que mora nos Estados Unidos. Parei para pensar e vi que ano passado fizemos 10 anos de amizade. Nos encontramos super rápido e nem nos demos conta disso! Ela me mandou uma borrachinha muito fofa que combina com uma tatuagem que tenho. É óbvio que a tatuagem é na barriga. O lugar que mais recebe carinho em meu corpo. Comida boa é carinho!


É a chef Hello Kitty que é exímia cozinheira e fez um super hamburguer para os amigos dela. hahaha

E já que ganhei presente vou dar o presente. É para minha amiga que sendo mãe dos gêmeos mais lindos que conheço não tem tempo para se ocupar demais na cozinha vai poder se deliciar com um docinho rápido e matar as saudades do Brasil. É sua, amiga! ;-)

*É uma versão preguiçosa do que chamamos de palha italiana.
*Se for fazer a versão sem preguiça misture açúcar com um pouco de chocolate ou cacau em pó e passe as colheradas nessa mistura antes de servir às pessoas.
*Eu faço o brigadeiro com chocolate em barra, mas você pode usar achocolatado ou chocolate em pó.
*A colher de manteiga sem sal é para dar esse brilho que você vê na foto.
*Eu usei aquele biscoito de maizena tradicional, mas imagino que qualquer biscoito doce com pouca gordura sirva. Recomenda que seja com pouca gordura, porque o leite condensado já tem sua parcela e ao misturá-lo ao biscoito aquela gordura excessiva vai te complicar depois.

Brigadeiro na Forma

1 lata de leite condensado
120g de chocolate meio amargo picado
80g de biscoito picado grosseiramente
1 colher de chá de manteiga sem sal

Em uma panela mistura o leite condensado, o chocolate e a manteiga. Em fogo médio, mexa até começar a descolar do fundo da panela. Retire do fogo e mistura o biscoito picado e coloque em uma forma e deixe esfriar. Sirva assim mesmo ou passe colheradas do doce na mistura que citei acima.

quarta-feira, abril 13, 2011

Feijão Preto



Pense rápido: Quando você vê feijão pensa em que comida? Feijoada, certo? A partir de agora você vai ver como feijão preto não é só para feijoada.

Eu amo feijão. Seja ele qual for. Vermelho, Fradinho, mulatinho(ou carioca), branco... Feijão preto é o meu preferido. Vou te dar duas sugestões que só não são mais rápidas de fazer porque o feijão demora um pouco para cozinhar. Antes, recomendações que você pode seguir antes de fazer qualquer uma das duas receitas:

*Primeiro coloque o feijão de molho com 2 rodelas de laranja por mais ou menos 3 horas. A laranja diminui um pouco dos gases que o feijão pode causar em algumas pessoas.
*Quando for cozinhar o feijão escorra desse molho e descarte a água e as laranjas.
*Se não gostar de beterrabas pode substituir por cenouras.
*E se não gosta de coentro substitua por salsa.
*Se depois da primeira parte do cozimento o caldo estiver com uma espuma branca retire antes de continuar com a receita. Essa espuma aumenta a sensação de gases.


*O peito de frango que usei na segunda receita é o filé tipo sassami, mas você pode comprar o filé de peito normal e cortá-lo em tiras.
*Depois de pronto pode passar no liquidificador e penerar para servir como caldinho de feijão.
*Pode congelar.
Feijão preto e beterrabas

2 xícaras de feijão preto deixado de molho por 3h
1/2 beterraba grande picada
1/2 linguiça calabresa picada
1 cebola pequena picada
3 dentes de alho, sal e pimenta a gosto
1 xícara de coentro picado
Azeite

Coloque o feijão para cozinhar com uma pitada de sal e pimenta. Depois que a panela de pressão começar a fazer barulho conte 20 minutos. Enquanto isso, doure a linguiça em azeite. Coloque a cebola e alho e deixe dourar bem. Coloque a beterraba mexa mais um pouco, tempere com pimenta e sal e desligue o fogo. Passados os primeiros 20 minutos retire a pressão e ligue novamente o fogo da beterraba. Pegue uma concha do caldo do feijão e coloque na beterraba. Deixe levantar fervura e coloque tudo no feijão. Tampe novamente a panela de pressão e quando começar a fazer barulho de novo deixe por mais 15 minutos. Passado esse tempo, retire da pressão e deixe fervendo sem tampa até que o caldo reduza um pouco e engrosse naturalmente. Sirva com o coentro por cima.

Feijão preto com Bacon, Frango e alho dourado


2 xícaras de feijão preto deixado de molho por 3h
300g de filé de peito de frango temperado com pimenta e uma pitada de sal
1/2 xícara de bacon picado e com pouca gordura
1 cebola picada
4 dentes de alho cortado em fatias finas


 Em uma panela de pressão cozinhe o feijão até ficar macio. Em uma frigideira doure o bacon com a linguiça. Coloque a ceboal e deixe dourar também. Coloque uma concha de feijão com caldo nessa frigideira e deixe levantar fervura. Acrescente essa mistura ao feijão e deixe fervendo até o caldo engrossar. Enquanto o feijão ferve doure os filés de frango. Acrescente o alho e mais um pouco de azeite. Quando o alho começar a dourar retire do fogo. Sirva o feijão com o frango dourado com alho por cima.


sábado, março 05, 2011

Acompanhamentos - Parte 2

Esse trio é campeão. Batata, cenoura e brócolis têm um lugar especial em meu coração (ou seria estômago?) e sempre que faço não sobra nada. Adoramos.
Vamos direto ao assunto.
Para a cenoura você vai fazer assim: Se você tem um fatiador use-o para cortar fatias finas no cumprimento da cenoura. Serão fatias longas e finas. Corte uma cebola roxa em tirinhas ('julienne' para os íntimos). Corte também fatias de queijo coalho ou de ricota. Se for ricota, você deve temperar com um pouco de sal. Em uma frigideira aqueça o azeite e coloque o queijo fatiado. Doure de cada lado e reserve. Na mesma frigideira coloque a cebola e doure também. Acrescente a cenoura e tempere tudo com sal, pimenta e a erva aromática de sua preferência. Coloque em uma tigela e misture com o queijo.

O brócolis é super simples. Alho, azeite e brócolis. In and out. Esquenta a panela, doura o alho, coloca o brócolis e tempera com uma pitada de sal. Coloca uma colher de água e deixa secar. Coloca na tigela e sirva.


Para a batata você pode escolher fazer de duas formas. Com casca ou sem casca. Super elaborado, certo? Errado, apenas com preguiça ou sem preguiça. Das duas dormas você vai ter que pré-cozinhar a batata. Feito isso, coloque em uma travessa com azeite e uma cabeça de alho cortada ao meio. Coloque mais um pouco de azeite por cima e tempere com pimenta moída na hora. Leve ao forno até dourar.

Related Posts with Thumbnails